Mulher é estuprada e mantida em cárcere privado em Pinheiro Preto após aceitar carona - Radio Tropical FM 99.1
(49) 3537.0980
Telefone
(49) 99104.0013
Celular SMS / WhatsApp
Acompanhe
nas redes sociais
Concorra a prêmios! Seja o primeiro
a saber dos sorteios e promoções.

Pinheiro Preto Mulher é estuprada e mantida em cárcere privado em Pinheiro Preto após aceitar carona

Mulher é estuprada e mantida em cárcere privado em Pinheiro Preto após aceitar carona

Na noite deste sábado (11), um caso de violência contra a mulher movimentou a Policia Militar de Pinheiro Preto e Tangará. O acusado teria oferecido carona a uma mulher, de 30 anos, após a saída de um baile em Videira.

De acordo com relatos da mulher, o homem pediu lhe acompanhasse até sua residência em Pinheiro Preto, com objetivo de pegar alguns objetos. Chegando na casa, o suspeito teria tentado manter relações sexuais com a vítima. Diante da negativa ele teria ficado completamente exaltado.

Segundo relatos, o homem ameaçou a vítima com um facão e obrigou ela fazer sexo. O acusado ainda teria agredido a mulher e tentado afogar ela no rio por três vezes. A vítima foi mantida em cárcere privado durante o dia, mas aproveitou que o acusado foi tomar banho para se desamarrar e acionar a Policia Militar no final da tarde.

A vítima foi socorrida ao Hospital Divino Salvador para atendimento médico. As Guarnições da PM de Pinheiro Preto e Tangará, lograram êxito na localização e deram voz de prisão ao acusado.

O suspeito foi encaminhado para CRPP de Videira e foi autuado em flagrante pelos crimes cometidos. O homem foi levado para Unidade Prisional, onde deve aguardar decisão da justiça.

Veja as mais acessadas