Marketplace de compra e venda focado no agronegócio inicia expansão em Chapecó - Radio Tropical FM 99.1
(49) 3537.0980
Telefone
(49) 99104.0013
WhatsApp
Acompanhe
nas redes sociais

Chapecó Marketplace de compra e venda focado no agronegócio inicia expansão em Chapecó

Marketplace de compra e venda focado no agronegócio inicia expansão em Chapecó

Estratégia de ampliação das operações da Campear chega aos estados do Paraná e Santa Catarina com o propósito de revolucionar a forma de comercialização no agronegócio

Com apenas três meses de atividades, a primeira plataforma de marketplace para o agro brasileiro, com rede própria de franquias, já começa a colocar em prática um plano de expansão para alcançar todo o território nacional. Um dos grandes diferenciais da Campear é a assistência, prestada pelos franqueados, aos usuários que fazem negócios on-line, especialmente o produtor rural. “O agro no Brasil é gigante, mas acreditamos que ele pode ser ainda maior e mais digital”, afirma Jean Fuchs, CEO da Campear. “Há mercados promissores, como Chapecó, no Oeste Catarinense, e Cascavel, no Paraná, assim como todas as outras regiões de SC e PR que são repletas de oportunidades e com boas perspectivas de crescimento. O objetivo é alcançar todo o território nacional já em 2022”, complementa Fuchs.

Na primeira plataforma para o agro brasileiro com rede própria de franquias, o franqueado atua representando localmente a plataforma, dando vida e humanizando a conexão entre o campo e o digital, sendo esse parceiro local o elo entre o produtor, as empresas, fábricas e toda a cadeia com a Campear, fazendo papel importante no propósito de digitalização do agronegócio sem perder o vínculo humano. Atualmente, a rede já conta com franqueados que abrangem mais de 350 cidades, atuando na ponta, ele acompanha a realidade do mercado e entende as demandas daquela realidade. “São os nossos aliados no campo, estamos humanizando o atendimento e fazendo com que o usuário se sinta mais seguro. Nossos franqueados podem esclarecer dúvidas, ajudar a oferecer um produto ou realizar uma compra. Também é possível acionar um franqueado de outra região para uma visita presencial, de validação, como conferir pessoalmente as condições de uma roçadeira usada que esteja à venda na plataforma, por exemplo. Tudo sem representar qualquer marca comercial e se mantendo sempre neutro”, explica Esequiel Ransolin, sócio e um dos fundadores da Campear.

A plataforma funciona como uma grande vitrine de compra e venda (no ambiente digital é chamado de marketplace), aberta a todos os elos da cadeia do agronegócio acessando pelo link https://campear.com. Fabricante, comerciante, prestador de serviços ou agricultor familiar, todos têm a liberdade para expor os seus produtos e serviços. O mesmo ambiente digital também abriga um e-commerce, onde é possível empresas e produtores terem uma filial on-line, oficial, com todos os produtos disponíveis para anúncio ou venda na loja virtual. São mais de 25 categorias que oferecem, inicialmente, a possibilidade de venda direta entre vendedor e comprador, sem intermediários, com negociações transparentes em um ambiente seguro. “O usuário pode comparar preços, analisar novos produtos e também oferecer a própria produção. Nós apresentamos as ofertas e conectamos as duas pontas interessadas, mas a relação de venda será entre o comprador e o vendedor. Deixamos o vendedor em evidência, sem escondê-lo”, acrescenta Ransolin.

A plataforma é resultado da união de um grupo de jovens empreendedores, formado por um técnico em agropecuária, um especialista em TI e gestão, quatro desenvolvedores com experiência em grandes plataformas e um publicitário. O projeto começou a tomar forma em 2019 e, logo depois, o CEO da Campear, Jean Fuchs embarcou para o Vale do Silício, na Califórnia, Estados Unidos, já levando a ideia para validação e refinamento. O negócio foi concebido totalmente com recursos próprios dos sócios, sem capital externo até o momento. “O desenvolvimento foi todo com tecnologia própria, altamente sofisticada e segura. Nós começamos do zero, foram várias pesquisas e análises antes da plataforma tomar forma, com foco na facilidade de manuseio e na simplicidade de conseguir se relacionar e fazer negócios. O agro é um dos setores mais importantes para o Brasil e merece alta tecnologia para compra e venda”, afirma Fuchs. A startup tem sede no Tecnovates, parque tecnológico da Univates em Lajeado, um dos mais importantes polos de tecnologia e inovação do Rio Grande do Sul.

Outro diferencial da plataforma é a opção de o franqueado conquistar a posse da franquia, sem a necessidade de investir. Ao se habilitar para o Campear WAY, modelo inovador de franquia, o parceiro ajuda a construir uma nova região do mercado, trazendo usuários e empresas para a plataforma e recebendo participação progressiva na franquia sem a necessidade de investimento inicial para aquisição.

Mesmo sem haver a necessidade de um investimento inicial para a aquisição da franquia Campear, o franqueado recebe as comissões sobre os resultados de sua região desde o primeiro mês de trabalho. “Até preferimos a aquisição da franquia pelo modelo Campear WAY, pois nesse modelo construímos junto com nossos franqueados novas regiões e ao mesmo tempo valorizamos aquelas pessoas que de fato tem interesse em ingressar ou prosperar no agronegócio”, reforça Fuchs. A outra forma de adquirir a uma franquia da Campear seria a aquisição por um valor que varia de R$ 59 mil a R$ 130 mil.

Veja as mais acessadas