Superlua de sangue nesta quarta será resultado de eclipse lunar - Radio Tropical FM 99.1
(49) 3537.0980
Telefone
(49) 99104.0013
WhatsApp
Acompanhe
nas redes sociais

Mundo Superlua de sangue nesta quarta será resultado de eclipse lunar

Superlua de sangue nesta quarta será resultado de eclipse lunar

Dois fenômenos astronômicos estão previstos para acontecer em 26 de maio. A Superlua de Sangue e o eclipse lunar poderão ser vistos do Brasil, na costa do Oceano Atlânico, na América do Sul, na Austrália, no Sudeste da Ásia ou em partes como da costa atlântica da América do Sul. A previsão é de que o eclipse lunar dure cerca de 14 minutos.

Não houve um eclipse lunar total desde 2020. Este artigo tem tudo que você precisa saber, incluindo a ciência por trás dos eclipses e dicas para ter uma ótima experiência de visualização e possíveis fotos.

Um eclipse lunar total na Lua de Sangue

Está quase na hora de outro eclipse lunar total da "Lua de Sangue" que ocorrerá nas primeiras horas do dia 26 de maio de 2021 e será visível para algumas pessoas.

Um eclipse lunar total, onde os observadores podem ver uma Lua avermelhada, só acontece quando ela está em fase cheia. Da mesma forma, a Lua cheia de maio deste ano também é chamada de "Lua das Flores" pela época do ano em que ocorre no hemisfério norte, a primavera.

O que é um eclipse lunar total?

Um eclipse lunar total ocorre quando o Sol, a Terra e a Lua se alinham de forma que a sombra projetada pela Terra passa sobre a Lua.

Por causa das distâncias entre o Sol, a Terra e a Lua, a sombra da Terra, que é na verdade composta de duas partes: a penumbra (uma sombra mais fraca e menos focada) e a umbra (sombra mais focada e escura).

É importante notar que a umbra e a penumbra não combinam exatamente assim e, certamente, não param quando chegam à Lua. Quando a Lua está na sombra da Terra, na verdade, não fica escura: fica avermelhada. Isso ocorre devido a maneira como a luz se curva ao redor da Terra, à medida que se move em direção à Lua.

É por isso que um eclipse lunar total é frequentemente chamado de "Lua de Sangue".

Três tipos de eclipse lunar:

1. Eclipse lunar parcial - quando a Lua passa parcialmente pela umbra terrestre; 2. Eclipse lunar total - quando a Lua passa totalmente pela umbra terrestre; 3. Eclipse lunar penumbral - quando a Lua passa apenas através da penumbra terrestre.

No dia 26 de maio, o eclipse é um eclipse lunar total, o que significa que a Lua vai aparecer completamente avermelhada para os espectadores em determinados locais.

A "Superlua de Sangue" de 2021" será a maior e mais brilhante Lua Cheia deste ano. Ela será cerca de 7% maior do que uma Lua Cheia média, mas isso não é algo que pode ser visto com facilidade. O que poderá ser visto é uma lua cerca de 15% mais brilhante e, por isso, a mais brilhante do ano. Isso ocorre porque ela estará um pouco mais próxima da Terra.

Qual é a aparência deste eclipse lunar total?

A curvatura do caminho da sombra e a rotação aparente do disco da Lua se devem à rotação da Terra.

Como é um eclipse lunar

Regiões que serão possíveis ver o eclipse

Hemisfério Sul - Leste Asiático, Austrália, América do Sul (ocidental), Pacífico, Oceano Índico, Atlântico Sul, Antártica.

Hemisfério Norte - uma parte da América do Norte.

O eclipse ocorre poucas horas depois que a Lua atinge o perigeu, isto é, o seu ponto mais próximo da Terra em sua órbita, tornando-a uma Superlua de Sangue.

O que é uma Superlua?

Este eclipse também marca o início de uma "quase tétrade" porque dá início a uma série de quatro grandes eclipses lunares em dois anos.

Três desses eclipses são totais, enquanto um deles, que será em 18 a 19 de novembro de 2021, é um eclipse parcial profundo. 

Os eclipses lunares podem ser visíveis de qualquer lugar no lado noturno da Terra, se o céu estiver limpo, claro. De alguns lugares, todo o eclipse será visível, enquanto em outras áreas a Lua nascerá ou se porá durante o eclipse.

Mitos e superstições da Superlua Vermelha

Como mencionado, um eclipse lunar total é frequentemente chamado de Lua de Sangue devido ao seu tom avermelhado, característico durante o evento. Isso levou a algumas superstições e mitos sobre os eclipses lunares no passado.

Por exemplo, o antigo povo Inca acreditava que um eclipse lunar total era causado por um jaguar devorando a Lua. Então eles gritavam e agitavam suas lanças para a Lua, a fim de tentar assustar o jaguar. 

Já, no Oriente Médio, os mesopotâmicos acreditavam que todos os eclipses eram maus presságios para seus governantes. Desta forma, eles colocavam um 'rei substituto' no trono durante um eclipse e esperariam que a ira dos deuses caísse sobre aquele homem em vez do rei.

Povos africanos, por outro lado, acreditavam que um eclipse lunar total era como uma disputa entre o Sol e a Lua que deveria ser resolvida. Assim, as pessoas na Terra também deveriam resolver suas disputas durante este período.

Em geral, as luas de sangue também desempenham um papel importante na astrologia. Embora a Lua Cheia por si só seja uma parte importante do calendário astrológico e das previsões sobre como a Lua afetará nossas vidas, uma Lua de Sangue é normalmente interpretada pelos astrônomos como tendo um efeito ainda mais dramático.

Eles dizem que o que quer que esteja acontecendo, nesse tempo pode ser ainda mais poderoso. Assim, embora os eclipses lunares sejam astronomicamente interessantes, esses mitos e lendas não mudam o fato de que podemos prever e desfrutar do próximo eclipse lunar total sempre que eles ocorrerem.

E, à medida que o interesse pelo "astro turismo" cresce a cada ano, a caça aos eclipses se tornou uma atividade cada vez mais popular. Quer você viaje para ver um eclipse ou tenha a sorte de apreciá-los enquanto eles passam por sua casa, não há como negar que eles parecem ser poderosos de se experimentar.

Detalhes sobre o Eclipse Lunar Total em 26 de maio

Como vimos, o próximo eclipse lunar total ocorrerá no próximo dia 26 de maio. Isso é verdade se você está assistindo pelo hemisfério sul e ocidental. Veja abaixo os horários com base em alguns fusos horários dentro da área de totalidade.

Horas em que o eclipe irá ocorrer

Eclipse penumbral: 8h47min. Visível em Santa Catarina.

Eclipse parcial: 9h44min. Visível em Santa Catarina.

Eclipse total: 11h11min. Não visível em Santa Catarina, abaixo do horizonte   

Eclipse Máximo: 11h18min. Não visível em Santa Catarina, abaixo do horizonte.

Eclipse total termina 11h25min. Não visível em Santa Catarina, abaixo do horizonte.

A Lua ficará algumas vezes abaixo do horizonte em Santa Catarina, de modo que parte do eclipse pode em determinados lugares não ser totalmente visível.

- A magnitude do eclipse será de 1,009 - A magnitude da penumbra do eclipse será 1.954 - A duração total do eclipse será de 5 horas e 2 minutos - A duração total das fases parciais será de 2 horas e 53 minutos - A duração do eclipse total será de 14 minutos

Um eclipse nunca acontece sozinho. Um eclipse solar sempre ocorre cerca de duas semanas antes ou depois de um eclipse lunar. Normalmente, há dois eclipses consecutivos, mas outras vezes, há três durante a mesma temporada de eclipses. Assim, este será o primeiro eclipse desta temporada.

Dicas para ver o Eclipse Lunar Total de 2021

Como um Eclipse Lunar Total é visível em uma superfície maior do planeta e dura mais, é muito mais fácil ver do que um eclipse solar. Veja algumas dicas para ajudá-lo a aproveitar ao máximo da sua experiência.

Ao contrário de um eclipse solar, não há perigo em olhar para a lua durante um eclipse lunar. Você não precisa de nenhum equipamento especial ou de tomar precauções extras para desfrutar de uma Lua de Sangue.

Mesmo que o eclipse lunar de 2021 esteja acontecendo em maio, ainda pode estar mais frio à noite durante o eclipse lunar. Certifique-se de se agasalhar e se manter aquecido enquanto estiver fora.

Como fotografar o eclipse lunar em 2021

Fotografar um eclipse lunar é muito mais fácil do que fotografar um eclipse solar, em parte porque dura muito mais tempo. Enquanto a totalidade durante um eclipse solar pode variar entre 1 a 10 minutos, a totalidade do eclipse lunar será de apenas 14 minutos. 

Como os eclipses lunares acontecem à noite, é melhor considerar estas dicas de astro fotografia para ajudá-lo a obter a foto perfeita:

Certifique-se de usar o equipamento certo. Você precisará de um tripé, ou controle remoto e baterias extras para ajudar a garantir que sua câmera fique estável e você não fique sem energia ao tirar fotos da Lua de Sangue.Defina sua câmera no manual. Você vai querer ter uma velocidade do obturador relativamente lenta e um ISO moderadamente alto (800-3200). Defina sua abertura relativamente baixa também, para capturar luz suficiente da Lua Vermelha em sua tela.Defina seu foco desde o infinito. Embora a lua esteja longe, você deve ajustar o foco manual ligeiramente para trás do infinito a fim de obter uma imagem nítida e clara.O eclipse lunar criará problemas de iluminação. Não parece que a Lua estará muito brilhante, mas ao fotografar um eclipse lunar, você verá que qualquer "lasca" da lua mais iluminada aparecerá "apagada" em suas fotos. Você precisará ajustar suas configurações para permitir a entrada de luz da parte sombreada sem prejudicar a parte brilhante. Isso requer prática.Fotografe muito. Tire várias fotos com suas configurações, ajuste e veja o que você consegue. Um eclipse lunar é uma grande chance de praticar as habilidades da fotografia e ainda assim capturar ótimas fotos.Considere os compostos. Criar uma foto composta do eclipse lunar é uma ótima maneira de exibir visualmente toda a experiência!

Quando é o próximo eclipse lunar?

Após o eclipse lunar de maio, o próximo eclipse ocorrerá em 18 e 19 de novembro. Este será um eclipse lunar parcial visível em grande parte da América do Norte, América do Sul, Europa, Oceania e Ásia.

E depois, o próximo eclipse lunar total ocorrerá quase daqui a um ano, em 15 e 16 maio de 2022. Ele será visível em todo leste da América do Norte, da América do Sul, e partes da África.

NSC Total

Imagem de Klaus Stebani por Pixabay 

Veja as mais acessadas