Após assalto, bandido faz mulher e bebê reféns em Campinas - Radio Tropical FM 99.1
(49) 3537.0980
Telefone
(49) 99104.0013
WhatsApp
Acompanhe
nas redes sociais

São Paulo Após assalto, bandido faz mulher e bebê reféns em Campinas

Após assalto, bandido faz mulher e bebê reféns em Campinas

Um criminoso suspeito de participar do roubo em Viracopos nesta quinta-feira (17) fez um bebê de 10 meses e a mãe dele reféns em uma casa no bairro Vida Nova, em Campinas (SP), próxima ao aeroporto. Por volta de 13h40, a criança foi resgatada e tiros foram ouvidos no local.

O bebê saiu da casa no colo de uma policial militar. Uma equipe de resgate do Corpo de Bombeiros entrou com uma maca no imóvel após a liberação da criança. Até 13h50 não havia informação sobre a mulher.

Outros dois criminosos foram mortos durante a fuga do roubo.

O comandante-geral da PM, coronel Marcelo Salles, informou que o major da PM que foi baleado passa por cirurgia.

"Ocorrência gravíssima. Marginais fortemente armados com metralhadoras ponto 50, submetralhadoras, fuzis, capacetes, coletes tentaram subtrair o contêiner de dinheiro. A ocorrência está em curso. Vigilantes reagiram e um deles foi ferido de raspão no braço e outro na orelha. Houve um segundo confronto com a PM. O major Moreira, subcomandante da PM em Campinas, foi ferido a tiro e está em cirurgia em Campinas".

Metralhadora 50 apreendida após assalto a transportadora de valores no aeroporto de Viracopos. Foto: Divulgação/Polícia Militar
Metralhadora 50 apreendida após assalto a transportadora de valores no aeroporto de Viracopos. Foto: Divulgação/Polícia Militar

Como foi o assalto em Viracopos

Os criminosos interceptaram, no pátio interno do terminal de cargas, um contêiner que carregava uma grande quantidade de dinheiro e iria ser embarcado em um avião da transportadora UPS. Para chegar até lá, usaram carros clonados. As informações são de uma de fonte ouvida pela TV Globo.

A concessionária que administra Viracopos disse, em nota, que a quadrilha acessou o Terminal de Carga pelo portão E24, usando duas caminhonetes semelhantes a veículos da Aeronáutica. "Esses veículos tiveram os pneus dilacerados na entrada do portão, mesmo assim, seguiram até o pátio do Terminal de Carga e fizeram o assalto portando forte armamento", afirmou.

"A quadrilha fugiu utilizando duas caminhonetes que aguardavam do lado de fora", afirmou a concessionária. Três caminhões foram incendiados na Santos Dumont, o que provocou caos no trânsito. O bloqueio durou uma hora e meia.

Veja as mais acessadas