Canadense sobrevive a queda nas Cataratas do Niágara - Radio Tropical FM 99.1
(49) 3537.0980
Telefone
(49) 99104.0013
Celular SMS / WhatsApp
Acompanhe
nas redes sociais

Mundo Canadense sobrevive a queda nas Cataratas do Niágara

Canadense sobrevive a queda nas Cataratas do Niágara

Um canadense sobreviveu a uma queda sem qualquer boia ou aparato das cataratas do Niágara, na fronteira entre o estado americano de Nova York e a província canadense de Ontario, na terça-feira (9). Segundo o jornal local “The Buffalo News”, ele foi apenas a quinta pessoa a sobreviver a uma queda do tipo desde 1960.

Autoridades dizem que o alto nível das águas pode ser a causa de sua sobrevivência, já que ele não bateu nas rochas no fundo. O homem, cuja identidade não foi divulgada, foi levado a um hospital com ferimentos, mas não corre risco de vida.

Segundo estimativas, no momento da queda, cerca de 4 milhões de litros cúbicos por segundo jorravam das cataratas, mais do que o dobro que o normal para aquele horário.

As corredeiras acima das quedas podem atingir velocidades de 40 km/h, com as velocidades mais rápidas ocorrendo nas quedas em si, chegando a mais de 100 km/h. O rio na base das quedas tem até 30 metros de profundidade.

 

‘Em crise’

 A polícia do parque Niágara recebeu um chamado, por volta das 4 da manhã, sobre um homem “em crise” muito perto da margem da Horseshoe Falls, a mais alta das quedas, com mais de 50 metros de altura. Ao chegarem, no entanto, não conseguiram o alcançar a tempo, e viram quando ele saltou sobre uma cerca e se atirou, sendo arrastado pelas águas.

Uma equipe de resgate o encontrou algum tempo depois sentado sobre pedras, à margem do rio, perto de uma plataforma de observação.

Ainda de acordo com “The Buffalo News”, em média 25 pessoas cometem suicídio a cada ano se atirando nas cataratas do Niágara.

Veja as mais acessadas