Cão é abandonado, amarrado, dentro de saco de ráfia no interior de Lacerdópolis - Radio Tropical FM 99.1
(49) 3537.0980
Telefone
(49) 99104.0013
Celular SMS / WhatsApp
Acompanhe
nas redes sociais
Concorra a prêmios! Seja o primeiro
a saber dos sorteios e promoções.

Lacerdópolis Cão é abandonado, amarrado, dentro de saco de ráfia no interior de Lacerdópolis

Cão é abandonado, amarrado, dentro de saco de ráfia no interior de Lacerdópolis

A semana termina com uma notícia que mostra que infelizmente a crueldade humana contra os animais não tem limites mesmo com campanhas de conscientização.

Na madrugada desta sexta-feira (29) um indefeso cãozinho foi resgatado por voluntárias da Associação Animal Fauna Amiga em Lacerdópolis depois de ter sido encontrado abandonado numa entrada na linha São Carlos. Mas a forma como o animal foi abandonado causou comoção e revolta. O indivíduo, que cometeu a atrocidade de “descartar” o cão, colocou o mesmo dentro de um saco de ráfia e amarrou o mesmo, deixando o saco na margem da rodovia. A intenção foi mata-lo, pois caso contrário teria deixado o saco aberto ou simplesmente soltado o animal para o que mesmo buscasse abrigo em algum local.

De acordo com Évilin Serafini, presidente da Associação, um morador que passava pelo local viu o saco de mexendo e logo percebeu que se tratava de um animal dentro. Em seguida, sem conseguir soltar o mesmo em razão do cão estar bastante assustado, ele acabou acionando as voluntárias da ONG que foram até o local e com muita habilidade, paciência foram conquistando a paciência dele até conseguir soltá-lo. “O animal depois de sentir-se aquecido começou a chorar, como uma pessoa que se deu conta de ter escapado da morte e tido uma chance de viver novamente” comentou Évelin Serafini ,comemorando o resgate feito pelas voluntárias. Ele foi acolhido e está a disposição dos interessados para adoção responsável (WhatsApp é 99825-6925)

A ONG em Lacerdópolis precisa de ajuda!
A Associação Fauna Amiga completa em agosto 10 anos de atuação trabalhando principalmente na conscientização quanto a maus tratos aos animais. Segundo a presidente, em Lacerdópolis a comunidade não está correspondendo com o pequeno grupo formado por apenas 5 mulheres voluntárias que fazem o trabalho de resgate e atendimento das denúncias. A ONG pede apoio no sentido de que as pessoas ajudem se colocando à disposição principalmente para comprar ração nas casas agropecuárias/pets e deixar a disposição da Associação. Também é solicitado quem tiver condições de colocar à disposição Casas de Apoio/Sítios para abrigar os animais que são resgatados. Estes locais recebem a manutenção e apoio da Associação quanto a ração e medicamentos.  Mais informações pelo WhatsApp é 99825-6925.

Por Marcelo Santos
7777

Fonte: Rádio Catarinense

Veja as mais acessadas