Escolas de Samba de Joaçaba e Herval Doeste realizaram desfile neste fim de semana.Confira! - Radio Tropical FM 99.1
(49) 3537.0980
Telefone
(49) 99104.0013
Celular SMS / WhatsApp
Acompanhe
nas redes sociais
Concorra a prêmios! Seja o primeiro
a saber dos sorteios e promoções.

Joaçaba Escolas de Samba de Joaçaba e Herval Doeste realizaram desfile neste fim de semana.Confira!

Escolas de Samba de Joaçaba e Herval Doeste realizaram desfile neste fim de semana.Confira!

 Quem abriu a festa no sábado foi a Escola Samba Aliança, Atual Campeão do Carnaval de rua.

 Após cerimonial de abertura, em que o prefeito Dioclésio Ragnini entregou a chave da cidade ao Rei Momo, a verde branco entrou na Avenida do Samba para exaltar a própria agremiação, através de seu símbolo: a Aliança.

 Com cerca de 1.200 componentes, divididos em diversas alas e com quatro grandes alegorias, a escola retratou a lenda da Aliança, símbolo do amor, joia de valor.

 Com o samba-enredo “Elo de Amor”, a Aliança novamente proporcionou um espetáculo com suas fantasias luxuosas, que encantaram o público. Neste ano, o dançarino e coreografo Carlinhos de Jesus participou do desfile da penta campeã do Carnaval de Joaçaba.

 No domingo foi a Veza das duas Escolas de Samba de Herval Doeste entrarem na Avenida.

 A primeira Escola Acadêmicos do Grande Vale, entrou atrasado devido a chuva.

 Com o samba-enredo “Acadêmicos: o Exército da Paz”, a escola desfilou com mais de mil componentes e com seis carros alegóricos.

 Em seu enredo, a caçula do Carnaval de Joaçaba fez uma reflexão sobre a vida no planeta, dando um grito de alerta pela igualdade e pela justiça, contra todas as formas de preconceito e tendo o amor como o único caminho para a paz universal.

 Já a Escola de Samba Unidos do Herval, teve alguns problemas devido a chuva que estragou algumas fantasias e a sonorização.

 A escola entrou na Avenida cantando o samba-enredo sem a sonorização, pois houve queda de um disjuntor.

 O problema foi resolvido em seguida, empolgando ainda mais os integrantes da Unidos e o público presente.

 Com o samba-enredo “Índio quer apito, se não der, o pau vai comer!”, a escola de Herval d´Oeste contou com 800 integrantes e com cinco carros alegóricos para exaltar o índio, o verdadeiro dono da terra.

 A apuração dos votos ocorre na Terça-feira a partir das 15h no espaço Carnafolia na  Arena Bierbaum.

Galeria de Imagens

Veja as mais acessadas