Morador de rua encontra filha de Santa Catarina após história viralizar no Facebook - Radio Tropical FM 99.1
(49) 3537.0980
Telefone
(49) 99104.0013
Celular SMS / WhatsApp
Acompanhe
nas redes sociais
Concorra a prêmios! Seja o primeiro
a saber dos sorteios e promoções.

Geral Morador de rua encontra filha de Santa Catarina após história viralizar no Facebook

Morador de rua encontra filha de Santa Catarina após história viralizar no Facebook

Emir reencontrará sua filha Elizabete. Na tarde desta terça-feira (6), a estudante Mariana Lopes informou em sua página no Facebook que conseguiu localizar a lha do morador de rua que a abordou no Anhangabaú durante uma festa de comemoração do aniversário da cidade de São Paulo.

"Jamais imaginei uma mobilização nessas proporções por conta do Emir e a lha dele. Minha intenção foi despretensiosa, quis somente que ele pudesse falar com a lha, já que foi isso que ele me pediu naquele dia, simples assim. E isso aconteceu. Eles falaram neste nal de semana", disse a filha.

Ainda segundo Mariana, pai e lha combinam a data do encontro.

szfzsefzsefzsefzsef

Entenda o caso

O caso de Emir ganhou repercussão nacional após Mariana compartilhar a história do morador de rua no Facebook.

Após ser abordada no centro da cidade, ela contou que o simpático senhor pediu um pouco de bebida, se apresentou e perguntou se ela poderia ligar para a filha dele em Joinville (SC). Como o morador não sabia o número do telefone da filha, Mariana tirou uma foto ao lado dele e contou a história nas redes sociais, para que paradeiro da jovem chegasse até Elizabete.

A publicação fez tanto sucesso que, em poucos dias, atingiu mais de um milhão de compartilhamentos.

Repercussão

“Confesso que quei assustada [com a repercussão] no começo, mas o envolvimento de tanta gente foi bom para conseguirmos atingir o objetivo nal, que era encontrar a lha dele”, diz a estudante.

Mariana também contou que graças a publicação, outra família do Estado de Minas Gerais também conseguiu encontrar um parente que estava desaparecido desde julho do ano passado.

Isso sim é uma rede social a serviço do be

Veja as mais acessadas