Inverno mais quente que o normal antecipa a colheita da uva em SC - Radio Tropical FM 99.1
(49) 3537.0980
Telefone
(49) 99104.0013
Celular SMS / WhatsApp
Acompanhe
nas redes sociais
Concorra a prêmios! Seja o primeiro
a saber dos sorteios e promoções.

Santa Catarina Inverno mais quente que o normal antecipa a colheita da uva em SC

Inverno mais quente que o normal antecipa a colheita da uva em SC

O tempo interferiu na produção de uva em Santa Catarina. A safra veio antes e com um sabor diferenciado. A colheita foi antecipada porque o inverno mais quente que dos outros anos fez com que as plantas florescessem mais cedo e com isso, os frutos amadureceram antes do tempo.

 O calor, porém, fez bem para uva. A quantidade colhida na região de Urussanga não é grande, mas a qualidade do fruto aumentou.

 Já na região do Alto Vale do Rio Peixe, as condições de climáticas não interferiram muito na safra deste ano, embora a colheita também tenha sido antecipada.

 De acordo com Celso Panceri da Vinícola Panceri de Tangará, a safra deste ano está até um pouco acima da média nesta região, principalmente as variedades de uvas brancas, utilizadas para a produção de espumantes.

 Segundo Panceri, o clima e o solo da região do Alto Vale do Rio do Peixe, são propícios para a produção de espumantes, se assemelhando a região de Champanhe na França, onde são produzidos os melhores espumantes do mundo.

 A colheita de uvas da região do Alto Vale do Rio do Peixe, está iniciando agora e deve se estender até o início do mês de março.

 O vitivinicultor iomerense, Marcio Santini já está comercializando sua safra. Ele investiu em dois hectares da fruta, com um hectare e meio coberto.

 Santina comercializa a uva in natura, produz vinho doce, vinho convencional, suco, conhaque e grappa. Santini está diz que satisfeito com a safra deste ano.

 As constantes chuvas dos últimos dias poderão comprometer a qualidade da fruta, especialmente nos parreirais que não tem cobertura, já quem investiu em coberturas, o clima não tem interferido muito.

Veja as mais acessadas